Neutralização de Carbono

A neutralização de carbono busca diminuir o lançamento e retirar o excesso de CO2 da atmosfera. Esta retirada pode ocorrer por meio do plantio de árvores, já que estas fixam o carbono durante seu crescimento.

Em todos os projetos sustentáveis, os potenciais de emissão de CO² são uma constante preocupação. Neste caso as especificações de materiais e tecnologias levaram em consideração questões como consumo de energia, transporte e geração de resíduos, o que gerou uma menor emissão de CO² na atmosfera. Além disso, o saldo das emissões oriundas do projeto, obra e utilização do ambiente, foi inventariado e neutralizado em uma parceria com a CBFT (Programa CarboNO), através do plantio de apenas 2 árvores.

Essa pequena cota ocorreu devido à grande quantidade de madeira utilizada no ambiente. Foram consideradas neste inventário as emissões evitadas em função do carbono estocado presente na madeira, que de todos os materiais de construção disponíveis, é o único que tem um saldo de carbono positivo. Em crescimento, uma árvore absorve quase uma tonelada de CO2 por cada metro cúbico de crescimento. Este CO2, retido na madeira, continua afastado da atmosfera mesmo quando a madeira é transformada em produto acabado.

Neutralizando as emissões de carbono, contribuiu-se com a recuperação de florestas e sua biodiversidade. O Programa CarboNO também remunera os proprietários rurais que cedem suas áreas para reflorestamento, gerando emprego e fixando o homem no campo.

Arvore carbono

Conheça o site da CBFT

Saiba mais:

Bambu